Emagrecer Fazendo Dieta Sem Exercícios? Cuidado!

Já se sabe que o ganho de peso/obesidade não é predominantemente ativado pelo componente energético. Tanto da dieta quanto do exercício físico. Isso quer dizer que não é gastando-se mais calorias ou ingerindo-se menos, o principal determinante do emagrecimento ou ganho de peso. A melhoria das vias metabólicas como um todo (inflamatórias, hormonais, imunes) são o principal modulador do quanto seu corpo irá desbloquear a queima de gordura e de glicose e consequentemente provocar o emagrecimento ou ganho de massa muscular.

Antes de continuar o post, gostaria de fazer um convite. A Citius montou um programa completo de emagrecimento. Feito para você que quer emagrecer de forma simples, eficiente e para sempre. Clique na imagem abaixo e confira:

Voltando ao assunto, o nutricionista pode em determinados casos utilizar da restrição energética como estratégia para se provocar o emagrecimento. Desde que o qualidade dos nutrientes contida no planejamento alimentar seja bem adequada. Entretanto, embora essa condição consiga levar a uma modesta redução do peso corporal: aproximadamente 7% de peso.

Especialmente em mulheres acima do peso, a utilização dessa estratégia pode levar a redução da massa muscular magra: maior tecido metabólico de queima de gordura e glicose. E também da capacidade cardiorrespiratória: o quanto seu corpo consegue absorver de oxigênio do ar respirado, quanto maior esse índice maior é sua saúde e sua capacidade de queimar gordura.  E o principal, quanto menor for esses 2 componentes, maior será a chance de ganhar novamente todo o peso perdido.

A partir dessa condição, sugere-se que a adoção de dietas com restrição calórica, geralmente 20% a menos do valor energético dos alimentos que ingere por dia. Estas devem ser acompanhadas da prática de exercícios físicos. DESDE QUE SEJAM CAPAZES DE AUMENTAR A MASSA MUSCULAR E A CAPACIDADE CARDIORRESPIRATÓRIA. Ou seja, não basta ter o nutricionista em sua vida, você deverá investir também no personal trainer. Eles irão “ler” o seu corpo e prescrever o melhor plano alimentar e treinamento físico para sua condição biopsicossocial.

Referência:

Weiss EP et al. Effects of Weight Loss on Lean Mass, Strength, Bone, and Aerobic Capacity. Med Sci Sports Exerc. 2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *